Mamma Mia! é um filme de comédia romântica de 2008, adaptada do West End 1999 e o musical da Broadway de 2001 com o mesmo nome. Tem como base as músicas do bem-sucedido grupo pop ABBA, com música adicional composta Pelo membro da ABBA, Benny Andersson. O filme foi dirigido por Phyllida Lloyd e distribuído pela Universal Pictures em parceria com Tom Hanks e Rtone Wilson’s Playtone e Littlestar.

Meryl Streep lidera o elenco, desempenhando o papel de mãe solteira Donna Sheridan. Pierce Brosnan (Sam Carmichael), Colin Firth (Harry Bright) e Stellan Skarsgård (Bill Anderson) interpretam os três possíveis pais para a filha de Donna, Sophie (Amanda Seyfried). Mamma Mia! Recebeu críticas mistas dos críticos e ganhou US$609,8 milhões num orçamento de US$52 milhões.

Enredo

No centro da trama, encontramos a uma mãe, uma filha e três possíveis pais. A magia e o significado das sempre das canções do ABBA inspiraram a escritora Catherine Johnson nesta história sobre amor e amizade, passada em uma pequena ilha grega.

Às vésperas do seu casamento, Sophie Sheridan, a filha, procura a identidade do seu pai. Por isso, ao encontrar o diário da mãe descobre que existem três possíveis pais. Então convida aos três homens que fazem parte do passado da sua mãe e que há 20 anos não a viam.

Uma vez que a Sophie quer que o seu pai a leve ao altar, convidou-os sem contar a sua mãe, acreditando que depois de passar o tempo com eles, ela saberá qual é o pai dela.

Quando Sam, Bill e Harry chegam, Sophie decide conversar com cada um deles à vez. Sophie não consegue descobrir a verdade e, subjugada pelas consequências de suas acções, desmaia.

Entre as 23 músicas, os hits do ABBA, incluindo “Dancing Queen”; “The Winner Takes It All”; “Money, Money, Money” e “Take A Chance On Me”, fazem parte desta mágica história de pura diversão.